miri_st

Amor…Pensamientos…Poesías…Star Trek…

O jardim das borboletas…

Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquela pessoa que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente, não é a pessoa da sua vida. Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você. O segredo é não correr atrás das borboletas… é cuidar do jardim para que elas venham até você. No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!
Jardim das Borboletas (Mário Quintana)

Anuncios

diciembre 13, 2005 - Posted by | Pensamientos

1 comentario »

  1. ….é que quem ama, ama, ama, ama e ama muito; esse amar, amar, amar, amar demais, de tanto amar, foca a pessoa amada como o alvo de todas as suas intenções. Dessa forma ocorre que a pessoa amada fica sufocada de tanto amor e se desprende dessa armadilha do amor na qual foi presa e busca a liberdade, que pode ser a perda daquele que a amou ou mesmo a busca da sua liberdade, de ares para respirar…

    Comentario por Hotam | agosto 18, 2011 | Responder


Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s

A %d blogueros les gusta esto: